sexta-feira, 9 de julho de 2010

Dora Cintilante: O grande amor do Tio Patinhas

Dora Cintilante (no original, Glittering Goldie, ou Goldie O’Gilt) é uma personagem criada por Carl Barks. Sedutora e dona de uma personalidade forte, ela foi (provavelmente) a única namorada do Tio Patinhas. Fez sua primeira aparição na história "Em Busca do Ouro" (Back to the Klondike), escrita por Barks em setembro de 1952 e publicada na revista Uncle Scrooge #2 em março de 1953.
Dora era dona do Salão de Baile Blackjack, em Dawson. Lá, o povo da região se divertia com muita música e bebida. Até que um dia entrou ali um pato sujo e mal-vestido – era Patinhas, que na época, ainda dava duro para tentar fazer fortuna.
Ele andou até o bar e pediu um café, mas o barman riu. Então Patinhas despejou sobre o balcão uma pepita tão grande quanto um ovo de gansa.
 Todos ficaram impressionados – inclusive Dora Cintilante, que, atraída pelo ouro, convidou Patinhas para tomarem café juntos. Mas ela drogou o jovem garimpeiro, e roubou sua pepita.
Patinhas diz não saber até hoje o que ela colocou na sua bebida – tudo o que ele sabe é que acordou horas depois num monte de neve a 10 quilômetros da cidade. Furioso, foi até o Blackjack mais uma vez e iniciou uma briga intensa contra as pessoas que estavam no local, chegando a derrubar homens como fileiras de dominó. Quando acabou, encurralou Dora e exigiu que ela lhe devolvesse sua pepita. Ela devolveu, mas uma pequena porção de ouro que Patinhas tinha em uma sacola havia sumido. Por isso, ele fez Dora assinar uma nota promissória no valor de mil patacas, e com juros.
Não satisfeito, Patinhas levou Dora para o seu garimpo e a forçou a trabalhar nas escavações por um mês, para que ela soubesse como um garimpeiro dá duro.
No fim do mês, Patinhas pagou a ela. Mas Dora, orgulhosa, jogou o dinheiro na cara dele e saiu batendo o pé, afirmando ter cavado mais ouro que Patinhas.
Depois disso, os dois passaram cinquenta anos sem se ver. Até que Patinhas, ao lado de seus inseparáveis sobrinhos Donald, Huguinho, Zezinho e Luisinho, lembrou-se de ter deixado ao menos 250 quilos em pepitas de ouro em seu velho garimpo e partiu para lá.
Inesperadamente, ele acabou reencontrando Dora, que agora estava pobre e magra, tendo apenas a companhia de um urso que recebera o mesmo nome do seu velho salão de baile – Blackjack.
Patinhas pretendia cobrar a antiga dívida de mil patacas, que com os juros de cinqüenta anos, já chegava a um bilhão.
Mas no fim, ele teve pena de Dora e acabou fazendo com que ela encontrasse os 250 quilos em pepitas que estavam escondidos no seu garimpo.
Apesar de ser uma personagem que está mais relacionada ao passado de Tio Patinhas e ter aparecido em apenas um história de Carl Barks, o fato de ter sido o grande amor da vida do pato mais rico do mundo (depois do dinheiro, claro) fez com que Dora tivesse uma sobrevida.
 Ela ressurgiu em algumas histórias em quadrinhos de outros autores, como O "Último Trenó para Dawson" (Last Sled to Dawson), de Don Rosa, e chegou a participar ainda do desenho animado Ducktales – Os Caçadores de Aventuras, onde foi dublada por Maria Helena Pader. Na revista  Pato Donald #2384 desse mês de julho, tem uma aventura com Dora Cintilante, a história tem o título: "Uma Pedra no Caminho" história dividida em  duas partes com roteiro de Brian Claxton e Tom Anderson e desenhos do grande mestre Disney Vicar. Imagem da capa abaixo.


Fonte: Disneypédia (Texto integral) e Inducks.

6 comentários:

Fabiano disse...

Olá, amigo! Como vai?
Eu estou enganado ou essa personagem ia aparecer nesta edição da revista Tio Patinhas? Lembro-me de ter lido algo respeito de uma noiva ou "sei lá o que" do Patinhas que apareceria nesta edição.
Ráááá.... e você postou um ou dois quadrinhos de Don Rosa sobre ela, né? Ou estou muito enganado, ou reconhweci logo os olhos grandes e lacrimosos (no sentido figurado) dos patos.
Estou louco para mexer no meu Blog, mas o tempo anda muito depressa e no momento estou impedido de sentar e colocar mais um post do Disney Big porque demora mais um de hora para eu faze-lo.rsrsrs... mas quero ver se faço isso até domingo.
Um abração! Tenha um bom final de semana.
FabianoCaldeira.

Fabiano disse...

Olá! Tudo bem? Já corrigindo o erro. É o irmão de Patinhas que aparece este mês e não a Dora. Nõ sei de onde eu tirei eu tirei isso, talvez porque tenha a ver com a Saga, de alguma forma.
Desculpa ae...eheheh! Tenha um bom final de semana. Abraços.
FabianoCaldeira

Matheu$ Guarany disse...

Oi Ludy, tudo bem?
Adorei o post sobre a Estrela do Norte! Eu não sabia que ela já havia participado de Ducktales, descobri isso agora.
E você viu que ela aparece na edição deste mês de Pato Donald? Vale a pena ler a história, é muito boa!
Abçs.

Ludy disse...

Fabiano a Dora aparece na edição deste mês do Pato Donald, inclusive já acrecentei na postagem, eu recebi minhas revistas somente hoje e como eu coloquei a postagem antes saiu sem essa informação. O nosso amigo Matheus deu o toque e logo depois eu fui na banca comprar meus exemplares e estava lá a Dora Cintilante na história Uma Pedra no Caminho. Abração fabiano e abração Matheus, obrigado pela dica bacana.

Chabacano disse...

O Patinhas, sendo o homem "adorável" que é, só atrai mulheres de personalidade muito forte para a vida dele, vide a esfuziante Brigite e a gorducha Ricarda, que também são louquinhas por ele.

Ludy disse...

É verdade Chabacano o Patinhas junta para perto de si o que ele solta ao vento.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails