quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Mestres Disney






Marco Rota
Roteirista e desenhista Disney
Você deve estar se perguntando, que post é esse, o que significa a foto daquele velhão lá em cima e depois a capa de revistas Disney (por sinal bem atuais), em cascata aqui pra baixo.

Pois eu respondo pra você: esse cara aí acima é ninguém menos que... Marco Rota, um dos grandes desenhista e roteiristas Disney ainda na ativa, e essas capas apresentam um pouquinho da arte desse genial desenhista.

E aproveito pra dizer também que, esse post é dedicado a um novo amigo Disney virtual que tive o prazer de conhecer nesses dias. O que nos aproximou foi a paixão pelos quadrinhos Disney. Ele também é um colecionador e admirador de HQs Disney. E essa pessoa que eu revelo o nome agora. Paulo Augusto, é um grande incentivador do meu trabalho aqui no blog, com seus comentários sempre precisos, inteligentes e racionais. Obrigado Paulão pelos comentários e incentivos. Há alguns dias você postou um comentário sobre uma história do Marco Rota, e resolvi apresentar esse mestre Disney como uma homenagem a você e a seu filho Tiago.

Marco Rota nasceu em Milão, Itália, no dia 18 de setembro de 1942. Iniciou sua carreira em 1958, aos 16 anos, desenhando as aventuras de faroeste do personagem Steve Morgan para a Editora Dardo, onde permaneceu até 1961. Em 1963 foi contratado pela Editora Mondadori, concessionária Disney na Itália, onde ele desenhou primeiramente o humorístico Tarzanetto, inspirado no personagem tarzan. depois passou a desenhar Super-Homem e Batman. Apartir de 1971 passou a desenhar os personagens Disney. O primeiro, foi o Mickey. Atuou como Editor-chefe da Disney Itália de 1974 a 1988, mais precisamente na revista Topolino (Mickey). Paralelo a isso, em 1966 Rota iniciou uma colaboração com a revista italiana "ABC" desenhando as histórias eróticas de Justine.

Apartir de 1990 até os dias atuais Rota trabalha desenhando histórias Disney especialmente com a família Pato. Tio Patinhas, Donald e o resto da turma. Trabalha para as Editoras Guthenberghus e Egmont.
Marco Rota tem algumas histórias em quadrinhos dignas de serem citadas. Algumas abaixo para ilustrar esse post.

O Mistério da Carta Roubada. (Revista Mickey nº268 de 1975).

O Tesouro de Alexandre Magno. (Revista Mickey nº255 de 1974).

O Ajudante do Papai Noel. (Revista Tio Patinhas nº528 de 2008).

Missão Impossível. (Revista Pato Donald nº2266 de 2003).

Nessa história um pouco da maravilhosa série que Marco Rota criou em 1975 quando tinha apenas trinta e três anos. Praticamente o melhor da sua obra. Estrelada pelo personagem mais famoso de Rota: Mac Donald, o "Pato selvagem", o "Lord Escocês", antepassado do nosso conhecido Pato Donald. Detalhe, o personagem criado por Marco Rota não compromete a genealogia da Família Pato. Mais tarde, Rota desenhou também histórias com o Mickey, inspiradas em Gottfredson.

Depósito Oceânico. (Revista Tio Patinhas nº124 de 1975). Está é a HQ citada por Paulo Augusto, que me motivou a fazer esse post sobre Marco Rota. Atente na história para o tamanho descomunal, grandioso que a Caixa-Forte assume remetendo ao título...Depósito Oceânico. Tio patinhas constrói uma enorme Caixa-Forte que simula um "oceano" navegável. Um depósito de dinheiro de dimenções simplesmente oceânicas. Graças a um feitiço, Maga Patalógika. Cria uma enorme tempestade que o Tio Patinhas, os sobrinhos e o Pardal vão ter que enfrentar. Eles literalmente navegam em um mar de cédulas e moedas, com direito até a gaivotas, feitas de patacas. Uma história simplesmente saborosa. Essa foi relançada recentemente no Tio patinhas nº 500. Originalmente saiu em Almanacco Topolino #215 (1974 -Itália )

E por fim, uma das histórias mais controversas criadas pela fértil imaginação e talento absurdos de Marco Rota em 1984. Nessa história ele conta o nascimento e infância de Donald. Como sabemos o Pato Donald é filho de Hortência, a irmã "esquentada e marrenta" do Tio Patinhas, que casou com Patoso, o nervosinho filho de Vovó Donalda e Tomás Reco. Porém nessa história Rota apresenta Donald nascendo sozinho (saindo de um ovo) e sendo achado pela Vovó Donalda e Tio Patinhas e sendo adotado apartir de então. Essa história você vai encontrar na edição Especial do Pato Donald. Esta é a sua vida Donald. (Revista Pato Donald Especial nº1 de 1984). Apartir

Por enquanto era só pessoal. Espero que tenham gostado do Post. Em breve, mais posts do Universo Disney.

Fonte: Wikipédia EUA, Itália, Esquiloscans e imagens de Marco Rota de diversos sites especializados em HQs Disney.

7 comentários:

Edição Extra Blog disse...

Ludy, adoro o Marco Rota, e adorei essa matéria sobre ele também! Ele e seu traço inconfundível mostram que há muito talento desses cabelos brancos! Uma das melhores características que ele tem, na minha opinião, é a facilidade de ele criar uma ilustração (ou capa) pra uma história que não é sua, como ele faz com muitas histórias de Don Rosa. Ele é um gênio!

pauliti disse...

Ludy, obrigado a você amigo. Seu trabalho neste blog tem sido uma fonte de agradáveis momentos Disney. Eu levo gibi pra todo lado que vou, tenho gibi no carro, na bolsa e não perco um minutinho em fila de banco ou esperando alguém, sem que esteja com um gibi na frente dos olhos. E nesses momentos, a gente entra na história e se deixa levar pela magia dos quadrinhos. Seu blog também é assim, um portal para o "Universo Disney", nessa internet maravilhosa e louca. Continue com o bom trabalho, amigo. Vou estar sempre acompanhando, e, mais uma vez, obrigado pela lembrança. Abraço. Paulo Augusto.

Anônimo disse...

Com certeza o Rota merecia um post, na minha opinião é um dos melhores desenhistas disney de hoje e de sempre; as feições que ele dá aos personagens são simplesmente incríveis, muito realistas.
Teu blog tá dez Ludy; adorei os posts sobre os viloes disney.
HP

fastmetal disse...

Ludy, acompanho seu blog com meu pai. Também sou um fã Disney, e gostei muito deste post. Obrigado e continue sempre assim. Tiago

Edição Extra Blog disse...

Que pena que ainda não tenho a historia citada por último, ela deve ser muito boa! Já vou sair à caça de um Donald Escpecial n° 1!

E Ludy, continue assim, seus posts estão ficando cada vez melhores, ficando ricos em informação, que é o que desejamos!
Um abraço!

pauliti disse...

Também não tenho essa história "Esta é a sua vida Donald". Vou ficar garimpando nos sebos por aí. Existem algumas distorções na história dos patos, mesmo sobre a idade real (?) do Tio Patinhas e seu local de nascimento. Considero este o assunto mais difícil no mundo dos quadrinhos Disney: conciliar as diferentes versões na história dos personagens de Patópolis. Abraços a todos. Paulo Augusto

Ludy disse...

Caros amigos. Esses comentários de vocês me enchem de vontade de continuar alimentando esse blog com informações relacionadas a quadrinhos Disney, apesar de muitas vezes estar cansado da rotina diária de muitas horas de trabalho.
Obrigado por tudo.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails